mico.

ontem amanheci de ótimo humor para uma segunda-feira…

cantando, sendo breve nas tarefas matinais, se alimentando bem na mesa do café da manhã. quando percebi já estava adentrando no velho coletivo do dia-a-dia com os fones do ipod no ouvido e como trilha sonora o clássico, que gosto muit0, “da lama ao caos” do chico e sua magnífica nação zumbi.

*canto as músicas de trás pra frente.

eles foram meus primeiros ídolos de verdade… tenho camisa, ingressos de shows, autógrafo do falecido que encontrei em um 24h no jardim botânico quando estavam gravando o memorável “afrociberdelia” (também tenho. de capinha laranja e tudo)

voltemos a segunda dia 08/12/2008. a viagem foi rápida, não peguei engarrafamento (moro a exatos 10 minutos do centro da cidade. mas tem manhã que demoro 40 min para chegar ao destino desejado…), o bus estava vazio, tudo na mais perfeita ordem.

até que, ao desembarcar do catamarã/barca na praça xv:

“sapoc”

este sempre que vos escreve levou um estabaco na saída da dita embarcação, em horário de pico, com todos os passageiros qua ali estavam (não eram poucos, como falei o horário era crítico) observando a cena. foi ridículo! como naquele momento preferi cair na água…

pano branco rápido.

a mente nessa hora pensa o que é melhor para alíviar a tamanha vergonha… chorar de dor nos joelhos (cai de 4), cair na gargalhada e rir de si própio, ou dar um esporro no marinheiro por não ter avisado do perigo apresentado.

foi o que fiz…

mas ele avisou.

e eu? estava ouvindo “samba macossa” daquela banda informada lá acima…

ai, ai

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s